Fricassê de frango

O prato de hoje é em homenagem à minha cunhada Regina, que ama frango e que me ligou ontem para comentar e elogiar o blog.

É também uma homenagem aos meus leitores e um agradecimento aos milhares de acessos que tive em Agosto.

Comecei esse blog como uma forma de passar o tempo e tenho tido bons momentos com ele, desde então. Nunca imaginei que poderia ajudar tantas pessoas com receitas que faço no meu dia-a-dia.
Gosto muito de ajudar, de ensinar… e gosto ainda mais de aprender.
Prometo que vou me aprimorar, aprender mais e mais e passar tudo para vocês.

Hoje fiz fricassê de frango.

Fricassê- do francês fricassée, do verbo fricasser, guisar, talvez formado a partir de frire, fritar, tendo também o sentido de comer, como na expressão “il n’y rien à frire” (não há nada para comer), seguido de casser, partir, quebrar. Outros viram a origem remota no latim frigicare, fritar, mas a presença do provençal fricar, fritar, que teria servido de transição, não pôde ser comprovada. Fricassê é um guisado de vitela ou frango, cortados em pedaços e cozidos em molho bem temperado e abundante. De início escrito em francês fricassée, está em nossa culinária desde o século 18.

Meu fricassê é bem simples…. Muita gente usa molho bechamel (molho branco), mas eu não gosto muito de receitas que levam molho bechamel puro, faço de outra forma.

Agora a receita…
Essa receita rende dois refratários pequenos ou 1 grande, que serve bem 8 pessoas.

Para o frango:

1.3 k de filé de peito de frango em tiras de 4 cm
1 litro e meio de água
1 folha de louro
3 dentes de alho, com casca
1 cebola em 4 partes
1 cenoura em 4 partes
1 talo de salsão, em 4 partes (opcional)
1 colher, das de sobremesa, de sal

Em uma panela de pressão, coloque a água e espere ferver. Acrescente os outros ingredientes, tampe a panela e conte, à partir do chiado da panela, 10 minutos e desligue o fogo.
Aguarde a pressão sair completamente, abra a panela e retire os pedaços de frango.
Com a ajuda de 2 garfos, desfie o frango.

Eu nunca sujo as mãos para desfiar carnes. A melhor maneira de desfiar é usando o método dos dois garfos.
Basta retirar, antes de cozinhar, TODA a gordura da carne (seja boi, frango, peixe ou porco) e cortar em tiras de 4 cm e levar ao fogo até ficar bem macia.
Depois, com a ajuda de um garfo, segure a tira de carne e com o outro você vai soltando lasquinhas e desfiando.
Esse, também, é o melhor método de desfiar carne de sol e charque para fazer escondidinho.

Reserve o frango desfiado e congele o caldo do cozimento para ser usado em sopas, risottos ou qualquer outra receita que leve caldo de frango.
Eu costumo congelar em forminhas de gelo, depois solto os cubos e passo para um saquinho e mantenho no freezer. Quando preciso de um caldo, no lugar dos cubinhos comprados, uso os meus cubinhos congelados.

Outros ingredientes:

6 espigas de milho, em grãos
1 colher, das de sopa, de manteiga
4 dentes de alho, amassados
1 cebola média, bem picada
o frango desfiado reservado
2 tomates maduros, bem picados
1 colher, das de sopa, de extrato de tomate
sal e pimentas a gosto
salsinha e cebolinha a gosto
1 litro de leite
2 colheres, das de sopa, de farinha de trigo
1 copo de requeijão cremoso
300 g de mussarela com dois Ss ralada na parte grossa do ralo
batata palha, a gosto

Aqueça uma panela com a manteiga e acrescente o alho e a cebola.
Mexa por 2 minutos e acrescente o milho.
Refogue o milho, mexendo sempre, por 4 ou 5 minutos e acrescente o frango, o extrato e os tomates.
Cozinhe por 3 ou 4 minutos e acrescente o leite.
Espere o leite ferver e peneire a farinha de trigo por cima do refogado de frango.
Mexa bem, até que o leite engrosse e se forme um creme.
Tempere com sal, pimentas e cheiro verde e reserve.

Unte um refratário com manteiga e coloque metade do refogado de frango.
Cubra com a mussarela.
Junte 1 copo de requeijão ao refogado que sobrou na panela e cubra a mussarela com o frango com requeijão.
Leve ao forno médio (220 graus), pré aquecido, por 30 minutos.
Retire do forno, cubra com batata palha e sirva acompanhado de arroz branco.

Algumas dicas para a receita:

Eu não gosto muito de milho em lata, prefiro o milho verde, em espiga. Mas você pode usar 2 latas de milho no lugar do milho verde.
Faço todo tipo de fritura em casa mas me nego a fritar batata palha. Compro sempre a batata já frita. Se você for comprar procure as que não são fritas em gordura hidrogenada ou as que não tem gordura trans, que fazem muito mal a saúde.

No slide abaixo eu mostro o passo-a-passo da montagem do fricassê.

Agora que eu vi que a foto ficou toda marcada por causa do vapor da panela que foi na lente… hahahahahaha
Me desculpem!

24 comentário para “Fricassê de frango

  1. Amei sua receita…peguei rapidinho na internet na vespera de Ano Novo e estou fazendo para meu marido que eh americano e nunca comeu e nem faz ideia do que eh Fricasse. Moramos na Florida – EUA – e nossa cozinha eh totalmente brasileira…meu marido e nossos amigos estao maravilhados com nossa culinaria….Obrigada um beijo e Feliz Ano Novo.
    Valeria

  2. Oi…amei sua receita, peguei rapidinho no seu blog e estou cozinhando para o Ano Novo. Estou fazendo para meu marido que eh americano e nunca comeu um Fricasse… Moramos na Florida – EUA – e estou adaptando nossa culinaria brasileira aos costumes daqui ….todos estao amando nossa comidinha…Beijo e Feliz Ano Novo

  3. Kris,
    AMEI essa receita!
    Estou morando nos US e estava com vontade comer alguma coisa bem caseira… Substitui o requeijão (que não é tão fácil de achar aqui) pelo cream cheese. Deu certo!
    Estou adorando seu blog! Sou mineira também e adoro cozinhar…
    beijos,
    Francine

  4. Kris, sua receita fez um sucesso sem par, e faz parte de meus poucos favoritos, fiquei impressionada como com tao poucos ingredientes se faz algo tao gostoso, o sbor do frango no caldo é maravilhoso, msm ele só no caldinho fica ótimo.
    Parabéns ppor dividir conosco suas receitas.
    Abs Keila

  5. Kris, sua receita fez um sucesso sem par, e faz parte de meus poucos favoritos, fiquei impressionada como com tao poucos ingredientes se faz algo tao gostoso, o sbor do frango no caldo é maravilhoso, msm ele só no caldinho fica ótimo.
    Parabéns ppor dividir conosco suas receitas.
    Abs Keila

  6. Olá , me interessei muito pela receita, tambem tia regina e por acaso ela adora frango!!!
    Porem não encontro essa mussarela com dois Ss, poderia me dizer aonde posso acha-la?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *