Costelinha com canjiquinha


Lendo o nome da receita de hoje fico pensando que diminutivo deve ser, mesmo, coisa de mineiro.
Eu tenho mania de dimunitivo, já perceberam? É receitinha, comidinha, alho picadinho… Tudo inho ou inha…

Mas é tão bunitin falar assim, né?hehehehe

A costelinha com canjiquinha é um prato típico mineiro mas não é comum na minha região, o Triângulo Mineiro.
Fui conhecer essa delícia em Poços de Caldas. Minha irmã Karla foi quem me apresentou e eu fiquei apaixonada.

Na semana passada a temperatura caiu bem e o friozinho (olha o inho, aí…) é propício para comer esse prato.
Liguei pra Karla, peguei a receita e fiz.
Ficou DELICIOSA!!!!!!!!!

Para servir canjiquinha para umas 10 pessoas você vai precisar de :

1 k e meio de costelinha de porco cortada de osso em osso
5 colheres, das de sopa, de óleo
1 colher, das de sobremesa, bem cheia de tempero caseiro
3 cebolas médias, bem picadas
1 colher, das de sopa, de pasta de alho
100 g de bacon em cubos
1 cababresa, em fatias
300 g de canjiquinha
cheiro verde a gosto
pimenta ardida a gosto
água fervente suficiente
couve picada finamente

Lave bem a canjiquinha e deixe de molho em água fria por 1 hora.
Enquanto isso, prepare todos os outros ingredientes.
Aqueça uma panela de fundo grosso e coloque o óleo, a costelinha e o tempero. Frite bem, até as costelinhas ficarem bem douradas. Pingue água fervente, se necessário.
Quando a costelinha estiver bem douradinha, escorra o excesso de óleo, acrescente as cebolas e a pasta de alho e cozinhe até a cebola desmanchar. Coloque água fervente até cobrir as costelinhas e cozinhe até a carne ficar macia.
Escorra a canjiquinha.
Em outra panela, coloque o bacon e ligue o fogo. Frite o bacon até ele começar a ficar dourado e acrescente a calabresa. Espere dourar e coloque 1 colher pequena de pasta de alho. Após 1 minuto acrescente a canjiquinha, já escorrida, e refogue bem.
Cubra com água fervente e cozinhe até a canjiquinha ficar cozida, sempre pingando água. A canjiquinha absorve muita água, tome cuidado para não queimar ou grudar. A canjiquinha demora uns 40 minutos para ficar cozida.
Assim que a canjiquinha estiver pronta transfira para a panela da costelinha e misture bem. Acrescente um pouco mais de água, se necessário, acerte o sal, tempere com pimenta e deixe ferver por 20 minutos.

Para servir:

Você pode deixar o caldo secar bem e servir a canjiquinha como acompanhamento no seu almoço. Basta servir com couve crua e arroz.

Você pode servir a costelinha separada da canjiquinha, também acompanhando couve e arroz.

Ou você pode servir o caldo de canjiquinha, como eu fiz na foto. Coloque uma boa porção de couve crua no fundo do prato, cubra com a canjiquinha e decore com bastante cheiro verde.

Nas 3 opções, sirva um copo bem cheio de Dimeticona com 2 pedras de gelo, tá? hahahahahahaha
Garanto que você vai precisar!

Essa receita me deu a maior saudade da minha irmã e da família dela, que eu não vejo faz alguns meses… Por isso decidi que preciso ir pra Poços de Caldas urgentemente…
Karla, me aguarde porque eu tô chegando, viu?
E obrigada por dividir sua receitinha com a gente!

13 comentário para “Costelinha com canjiquinha

  1. Kris eu amo canjiquinha e aqui em casa faço sempre! Com frio ou com calor (apesar de aumentar a temperatura)… faço com qualquer carne de porco que eu tenha em casa mas com costelinha é muito mais gostoso, afinal os ossinhos são uma "dilícia"! De qualquer jeito é bom!!!!

  2. Manuela canjiquinha é um milho muidinho que é muito utilizado na culinária mineira mas conhecida em todo nosso país. Existem pessoas que usam para dar a passarinhos tbm. É muito gostosa, eu cozinho direto na pressão pois é muito dura e no fogo convencional demora muito e eu gosto dela bem macia. Vale a pena provar! Bom eu acho que a Kris vai te explicar melhor… bjus

  3. Kris adoro canjiquinha, tenho uma amiga querida em Mariana q sempre faz e me convida para o jantar…é uma delicia mesmo.
    Obrigada pela receita, ganhei um presente.
    Agora posso fazer, e esperar os elogios. Que perdição esse Blog gennnte…rsrsrsrs
    Bjss de luz

  4. Oi Kris, tudo bem? Vou pra Uberlândia agora no feriado e queria saber onde posso comprar a canjiquinha industrializada, pra trazer aqui pra Jaboticabal. Amo isso.. tem sabor de infância. Minha mãe fazia uma espécie de sopa, no frio, com canjiquin
    ha, costelinha, tomate maduro e couve rasgada..hummm.. Me ajude, preciso trazer canjiquinha!!! Beijos!!!

  5. Olá, Juliana!!!
    Você tá vindo pra Uberlândia, que legal! Eu vou pro sítio, mas me mande um e-mail quando chegar pra ver se eu chego a tempo de te conhecer!

    Olha, essa canjiquinha não é fácil de ser encontrada. Foi a primeira vez que vi a venda em supermercado, antes eu trazia de Poços de Caldas.
    Eu comprei no D'Ville supermercado do meu bairro, o Jardim Karaíba. No D'Ville da Getúlio Vargas, no centro, também deve ter e deve ser mais fácil pra você. Fica junto com o fubá e as farinhas de mandioca.

    Se precisar de mais alguma coisa é só me avisar, tá?

    Beijos

  6. Kris! Parabéns pelo seu blog!!! Amei! Amei! Amei! Perfeito! Que fotos são essas gente? Tudo parece delicioso! Obrigada! Só uma dica: eu faço a canjiquinha com agrião picadinho. Coloco no prato, na hora de servir! Gente, fica uma delícia tbm! Bjos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *