Comida goiana, arroz com pequi e costelinha de porco


A comida mineira aqui do Triângulo e a comida goiana são muito parecidas…
E um prato que é típico tanto em Goiás, quanto aqui em Minas, é o pequi.

Eu sou APAIXONADA por pequi mas conheço pessoas que não podem nem sentir o cheiro do danado.
O pequi é o típico caso de amor ou ódio. Quem gosta, ama. Quem não gosta passa até mal quando vê.
Como não estamos na época de pequi eu usei a conserva, que quebra bem o galho…
Se você não gosta de pequi é só trocar pela guariroba e preparar na mesma forma… Garanto que também fica delicioso!
Ah! No lugar da costelinha você pode usar suã. Fiz um arroz com suã no feriado que ficou diliça

Receita de arroz com costelinha de porco, linguiça e pequi

1 k e 1/2 de costelinha de porco, cortada de osso em osso
1 colher, das de sopa, de tempero caseiro com açafrão da terra
1/2 xícara, das de chá, de óleo
1 colher, das de sopa, de pasta de pequi
2 pimentas ardidas bem picadas (opcional)
400 g de linguiça fina ardida (caseira), em pedaços médios
2 cebolas grandes, bem picadas
600 g de arroz lavado e escorrido
300 g de lascas de pequi em conserva ou 12 pequis in natura
sal a gosto
água fervente o quanto baste

Tempere as costelinhas com a pasta de pequi, as pimentas e o tempero caseiro e deixe descansar por meia hora.

Em uma panela de ferro ou uma panela de fundo grosso, acrescente o óleo e as costelinhas. Frite até dourar bem (leva mais ou menos 40 minutos), pingando água quando necessário. Junte as linguiças e frite por mais 10 minutos.

Quando a costelinha estiver bem dourada, descarte o excesso de óleo, acrescente as cebolas e cozinhe até a cebola ficar com cor de caramelo.
Junte 500 ml de água e cozinhe até a costelinha ficar macia.

Assim que a costelinha estiver macia acrescente o arroz e as lascas de pequi (ou o pequi fresco). Refogue por 2 minutos, cubra com água fervente até dois dedos acima do arroz, acerte o sal e deixe no fogo até o arroz ficar cozido.

Cubra com cheiro verde e sirva.

4 comentário para “Comida goiana, arroz com pequi e costelinha de porco

  1. Ai Kris, eu AMO pequi. Tô louca pra começar a ver aqueles carrinhos amarelos lá na Praça Tubal Vilela… hehehehehe… aqui do lado da empresa, tem um tiozinho que vende, todo ano… tô ansiosa. Beijos =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *