Pad thai


No início do ano eu estive em Búzios e não pude deixar de ir ao Sawasdee, considerado um dos melhores restaurantes de comida asiática do Rio.
O jantar no Sawasdee foi considerado um orgasmo! Nunca comi tão bem na minha vida! De entrada pedi um Ming Khan, uma desgustação dos 5 sabores tailandeses, o doce, o salgado, o ácido, picate e pungente. Uma loucura, de tão bom!
O maridão escolheu o Cordeiro Missô e, quando eu vi o prato dele, fiquei com medo de me arrepender da minha escolha!
E a minha escolha foi o tradicional Royal Pad Thai, uma massa de arroz levemente ácida que me levou às alturas! Nem de longe me arrependi de ter pedido o pad thai!

Olha só a carinha dele quando chegou na mesa:

Na semana passada eu estava em casa, sem o maridão, e os meninos pediram delivery, que eu não gosto muito. Fui pra cozinha e em menos de 15 minutos a minha imitação de pad thai estava pronta.
Não ficou DOS DEUSES, como do Sawasdee, mas ficou bem apetitoso… Achei que ficou apenas muito seco. Dá próxima vez vou colocar mais caldo.

Ah! Na receita original tem moyashi, e eu não coloquei porque não tinha em casa.
Para duas pessoas, você vai precisar de:

1 fio de óleo
18 camarões médios

2 ovos

3 colheres, das de sopa, de cebola roxa picada
200 g de talharim de arroz
1 xícara de água, ou mais, se necessário
2 colheres, das de sopa, de molho de peixe (comprado em lojas orientais)
1 colher, das de sopa, de molho de ostra (comprado em lojas orientais)
3 colheres, das de sopa, de shoyu

2 colheres, das de sopa, de açúcar

1 colher, das de sopa, bem cheia de pasta de tamarindo (eu usei uma caseira que ganhei da Tia Celinha)

2 xícaras, das de chá, de broto de feijão (moyashi)

cebolinha em pedaços grandes

amendoim para salpicar

Aqueça uma frigideira larga e junte o óleo. Doure os camarões por 2 minutos e retire, mantendo aquecido.

Quebre os dois ovos na frigideira e faça um ovinho mexido, retire e reserve.

Coloque mais um fio de óleo e junte a cebola roxa. Mexa por 30 segundos e junte o talharim de arroz cru. Mexa bem e vá pingando água até ele ficar ao dente.

Acrescente o molho de peixe, o molho de ostra, o açúcar, o tamarindo e o shoyu e mexe bem. Junte o moyashi e a cebolinha e volte os camarões e os ovos para a frigideira até aquecer. Prove o sal. O pad tahi não leva sal branco, apenas o sal dos molhos de peixe, soja e ostra. Se achar necessário, acrescente mais molho de peixe.
Sirva com fatias de limão, açúcar, pimenta seca e cubra com amendoim torrado picado grosseiramente.
Ele deve ficar mais molhadinho do que o meu…
Coma como se não houvesse amanhã!

4 comentário para “Pad thai

  1. Pai Véio (Tô aqui dando risada do seu nick) eu comprei em SP, na Liberdade, mas soube que tanto na lojinha japa do Mercadão quanto na loja Miraku na Afrânio Rodrigues da Cunha eles vendem…
    Depois me conte se achou.

    Bjo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *