Dia dos Pais

Vocês já perceberam que chegando dia das mães e dia dos pais eu dou uma sumida, né?
Essas datas me deixam emocionada, carente, chorosa… Me lembro o tempo todo dos meus pais.
E nesse ano não foi diferente…
Tô carentinha, carentinha…

Queria taaaanto chegar na chácara no domingo e encontrar meu pai sentado naquela cadeira que era só dele, de frente para o fogão, com uma lata de cerveja na mesinha do lado, dando ordens (coisa de italiano) para minha mãe não errar o nosso bife preferido (ela nunca errava, mas ele sempre reclamava).

Queria sentir o cheiro do molho da minha mãe pela casa, pegar um pedaço de pão escondido e enfiar no molho para ver se estava bom….

Queria poder falar pro meu pai que eu mentia quando dizia que não gostava de dançar com ele e que, na verdade, eu adorava aprender uns passos de dança… E que eu não me importava quando ele gritava pra  um dos filhos trocar o CD ou aumentar o volume do som.

Queria sentar na mesa da cozinha e falar sobre as receitas que tinham rolado nos programas de culinária durante a semana e que, por coincidência, nós dois tínhamos visto e anotado as receitas.

Queria dizer que aquela lasanha que ele fez  sozinho, na ausência da minha mãe, e que, por uma confusão, ele usou leite de soja sabor maçã no lugar de leite integral, não fez bem para meu paladar mas encheu meu coração de amor… porque eu sei o quanto era difícil pra ele, nos últimos anos, ficar de pé ao lado do fogão cozinhando para os netos…

Queria dizer que ele faz muita falta nas minhas manhãs… Que a visita dele alegrava o meu dia, mesmo eu só dando valor nisso agora…

Queria dizer que eu daria meu reino para ter ele e minha mãe de volta…

Nesse dia dos pais não vou fazer o bife com ovo e ervilha que você sempre fazia pra nós, pai…. Não vou dar conta!
Mas posto a receita aqui, novamente, para te homenagear e homenagear todos os pais que passam por aqui para aprender comigo o que vocês me ensinaram.

Te amo, pai….

Os bifes a milanesa do meu pai


6 bifes de filé mignon ou miolo de alcatra, pesando cerca de 240 g cada um
sal e pimenta a gosto para temperar os bifes
1 “pitadinha” de shoyu para temperar os bifes
2 dentes de alho amassados grosseiramente
1 xícara, das de café, de azeite
1 xícara, das de chá, de farinha de trigo
1 ovo batido com 1 xícara, das de chá, de água
2 xícaras, das de chá, de farinha de rosca temperada com sal e pimenta do reino
1 xícara, das de chá, de óleo
1 colher, das de sopa, de manteiga


Coloque os bifes entre dois sacos plásticos e bata com um martelo de carne até os bifes ficarem com 1 dedo de espessura.
Tempere os bifes com sal, pimenta, shoyu, alho e azeite e deixe descansar por meia hora ou mais.
Passe os bifes na farinha de trigo, no ovo batido com água e na farinha de rosca, nessa ordem. Espalme bem os bifes para a farinha ficar bem aderida. Leve os bifes para a geladeira por 15 minutos.
Aqueça uma frigideira  bem larga com o óleo e a manteiga e frite os bifes, de dois em dois, até ficarem dourados e com a casquinha bem sequinha. Se necessário, junte mais óleo na frigideira mas tome cuidado! Não é para fritar em imersão, tá?
Escorra em papel absorvente e reserve.


Para o molho:


1 lata de tomate pelado
1 lata de molho pronto
1 cebola pequena, bem picada
2 dentes de alho, espremidos
1 fio de azeite
2 cubinhos de caldo de carne
1 pimenta ardida
pimenta do reino a gosto
1 pitada de açúcar
100 ml de água
200 g de ervilha congelada


Aqueça uma caçarola com o azeite e junte o alho e a cebola.  Espere a cebola começar a caramelizar e junte o molho pronto e o tomate pelado grosseiramente picado.
Tempere com os cubos de caldo, o açúcar e as pimentas e junte a água.
Deixe ferver por 5 minutos e junte as ervilhas congeladas.
Cozinhe por mais 5 minutos e reserve.


Os ovos:


Frite 1 ovo (ou mais, no meu caso) por pessoa. Eu gosto da clara tostadinha e da gema mole mas você pode escolher seu ponto ideal.


Montagem:


1 bife a milanesa
1 concha pequena de molho de ervilhas
1 ovo frito

5 comentário para “Dia dos Pais

  1. Oi Cris!! Esses seu posts sempre me emocionam…
    Esse dia dos pais vai ser especial para mim, desde o começo do ano estou na luta com meu pai, travando uma batalha contra o câncer. E depois da descoberta da doença, sinto um medo imenso de perdê-lo e dou valor a muitas coisas que não dava antes…
    Infelizmente, é uma lição de vida!
    Que Deus conforte seu coração nesse dia dos pais, e tenho certeza que seu pai zela noite e dia por vc! Abraços e Beijocas! Paty

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *