Polenta de gorgonzola com rabada cozida no vinho

Não sei se é pelo inferno astral, mas ando nostálgica e com o coração apertado… e essas comidonas são puro comfort food pra mim!!! Ficar horas na cozinha, com uma bela taça de vinho nas mãos, sentindo o perfume que sai das panelas invadir cada cômodo da casa, sempre me deixa feliz!
Então, se você também tá precisando de comidinha de mãe, de carinho dos filhos (eles vão te encher de carinho depois de provar a receita) e de elogios do amado/amada, corra no açougue e peça a mais suculenta peça de rabo de boi.
-Ah, mas eu sou chato e não gosto de rabo de boi…
Então faça com músculo em pedaços, garanto que também vai ficar delicioso…

Para a rabada cozida no vinho tinto você vai precisar de:

2 k de rabo de boi cortado nas juntas, aferventado e limpo ( * leia abaixo como fazer)
3 colheres, das de sopa, de óleo
1 cebola grande bem picada
1 colher, das de sopa, de farinha de trigo peneirada
folhas de 4 ou 5 galhos de tomilho (use o fresco)
1 garrafa de vinho tinto seco
água fervente, se necessário
sal e pimenta do reino a gosto

(*) Para mim, não tem nada pior do que rabada gordurosa.. O mais importante é retirar toda a gordura que envolve o rabo e, a melhor forma de retirar essa gordura é aferventando a carne antes.
Então, compre o rabo já cortado nas juntas e afervente por 20 minutos em água, sal e uma boa dose de cachaça.
Escorra a água, espere amornar e, com uma faca bem afiada, retire TODO o excesso de gordura.
Só então comece o preparo.

Depois que a rabada estiver aferventada e limpa, aqueça bem uma caçarola de fundo grosso e acrescente o óleo e a rabada. Frite até os pedaços ficarem corados e acrescente a cebola picada. Cozinhe até a cebola amolecer e peneire a farinha de trigo por cima da carne. Mexa por dois ou três minutos e junte o vinho tinto, lentamente. Mexa bem e espere levantar fervura, com a panela destampada. Assim que levantar fervura, acrescente as folhas de tomilho, tampe a panela e cozinhe até a carne começar a se desprender dos ossos.
Se necessário, pingue água fervente durante o cozimento.
A rabada costuma demorar entre 2 e 3 horas para ficar macia, o tempo vai variar de acordo com seu fogão e a idade da vaca.

Enquanto a rabada cozinha e perfuma sua casa, faça uma polenta deliciosa para servir junto…

 Polenta rústica com gorgonzola

Eu prefiro uma polenta mais grossa, bem rústica, para servir com essa rabada suculenta. Se você gosta dela mais lisinha e mole, aumente os líquidos ou diminua o fubá, tá?

2 copos de fubá pré-cozido ou preparado para polenta
3 copos de caldo de carne, de legumes ou de galinha (se você não tiver caldo caseiro, use 1 cubo e meio de caldo industrializado dissolvidos em 3 copos de água fervente)
2 copos de leite
1 colher, das de sopa, bem cheia de manteiga
200 g de queijo gorgonzola

Coloque o caldo e o leite em uma panela alta e espere ferver. Acrescente a manteiga e, assim que ela derreter, junte o fubá aos poucos e mexa bem com um fouet (batedor de arame) para não empelotar.
Continue mexendo até o creme engrossar e começar a desgrudar do fundo da panela (uns 40 minutos).
Pique o gorgonzola em pedaços pequenos e adicione à panela. Espere ele derreter e se fundir ao creme.
Desligue o fogo, acerte o sal e sirva. Tome cuidado: se você usou caldo industrializado não vai precisar de mais nada de sal porque o gorgonzola também é salgado, tá?

Na hora de servir, cubra o fundo de um prato com a polenta e coloque uma bela porção de rabada por cima, caprichando no molho de vinho… Decore com folhinhas de tomilho e pronto…. Fique feliz!

Dica: se sobrar polenta, espere esfriar, pique em pedaços médios e leve para a grelha, com uma boa regada de azeite. Gordo come essa polenta grelhada até no café da manhã! rsrsrsrs

Essa semana eu tô que tô… Comecei com cuscuz e terminei com rabada… 🙂

5 comentário para “Polenta de gorgonzola com rabada cozida no vinho

  1. Nunca comi rabada, sou louca para experimentar. Qualquer dia destes vou usar tua receita para fazer a minha primeira rabada. deu água na boca!
    você conseguiu fazer dieta? teu blog é tao lindo, volta com ele e traz pra gente as novas receitas saudaveis! Adorei o layout! minha casa aqui em SC é toda inspirada na tradição mineira. (ladrilho hidraulico, madeira…)
    eu adoro cozinhar e é sempre um problema com a balança. Hoje, por ex estou fazendo a dieta dukan. tem muitas receitas e para nós que somos amantes da culinaria da para inventar muitas receitas ótimas!!
    você tem instagram? gostaria muito de acompanhar se tiveres…
    grade abraço, Nadjanara (nadicampos no IG)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *